Hong Kong Disneyland

IMG_20180511_101106540

A missão de conhecer todos os resorts da Disney pelo mundo continua. Desta vez, a parada é na menos conhecida e provavelmente mais desprezada de todas as seis terras do Mickey, pelo menos por nós brasileiros. 

Localizada na ilha de Lantau, área de Hong Kong, região administrativa da China, a Hong Kong Disneyland abriu em 2005 ainda sob a gestão do icônico e polêmico CEO da The Walt Disney Company: Michael Eisner. O início do projeto data de 1998, quando uma equipe de Eisner visitou o Chefe Executivo da região, levando a ideia do que seria o 2º parque da empresa americana na Ásia, sendo o 1º com participação na gestão (visto que a Tokyo Disney é operada pela The Oriental Land Company).

A construção de fato começou apenas em 2003, tendo o próprio Chefe Executivo de Hong Kong, Tung Chee-hwa, como grande entusiasta da iniciativa, parte de seus planos para movimentar o turismo no local. Em pouco mais de dois anos, o resort abriu as portas e se tornou um importante point de entretenimento da região. Hoje, conta com um parque, três hotéis e uma área anexa de shows e eventos.

Desde 2016, como resposta ao Shanghai Disneyland, Hong Kong vem investindo num plano de expansão que inclui a construção de um novo castelo, além das aberturas das áreas de Frozen e da Marvel, previstas para 2021 e 2023, respectivamente. Enquanto as mesmas não chegam, conto um pouco como foi a (deliciosa) visita ao parque em Maio de 2018.

O PARQUE

IMG_20180511_092848006

A Hong Kong Disneyland é dividida em sete áreas temáticas, sendo elas: Main Street U.S.A, Adventureland, Fantasyland, Tomorrowland, Grizzly Gulch, Mystic Point e Toy Story Land. Nada muito diferente para quem já está acostumado com o modelo Disney. A má notícia é que o pequeno e fofo castelo já se encontra fechado para reformas, sendo possível só vê-lo à distância.

Já a boa notícia é que, além de algumas atrações exclusivas, o que é sempre importante para trazer ineditismo ao parque, a principal diferença (e vantagem) de Hong Kong é a baixa lotação. Visitei na primavera, em tese uma época boa para se ir no local, mas a verdade é que nunca vi um parque de diversão tão fácil de aproveitar. O que pude perceber é que o público só começa a chegar em peso no período da tarde, tornando a manhã o momento perfeito para ir nas principais atrações sem filas ou esperas longas.

Do momento de abertura (10:30) até 13:00, consegui ir em todas as rides que eu queria, inclusive as recém abertas, sem o menor esforço. E pasmem: sequer precisei de FastPass. Durante a tarde, quando a lotação já estava consideravelmente maior, pude passear com calma e experimentar os shows, filminhos e espetáculos, além de repetir algumas atrações que havia gostado (agora sim, usando alguns FastPass).

INGRESSOS

IMG_20180511_093604461

O ingresso para 1 dia custa 619 dólares de Hong Kong, o que dá em torno R$ 295,00. Tem também opções para mais dias, mas confesso que não acho necessário. Em um dia inteiro já dá para fazer tudo que o parque tem para oferecer e até repetir. As compras podem ser feitas pelo site oficial, na própria bilheteria ou em revendedores. No meu caso, acabei comprando na hora mesmo porque não consegui online. Por algum motivo que desconheço, meus cartões não foram aceitos pelo site oficial e acabei desistindo. Mas quem por ventura tiver o mesmo problema e quiser mesmo assim garantir os ingressos antecipados, recomendo a Klook.com uma agência com ótima entrada no mercado asiático e que me atendeu muito bem no Japão.

Quanto aos abençoados FastPass, o sistema segue o vigente no Japão e na Califórnia até pouco tempo: máquinas próximas de cada atração emitem bilhetes de papel com os horários disponíveis. Já existe um aplicativo para Android e iPhone, com horários, cronogramas e tempos das filas, mas ainda não é possível retirar os FastPass por ele.

ATRAÇÕES

IMG_20180511_111901231

A Hong Kong Disneyland repete muitas das atrações que já conhecemos dos Estados Unidos, mas também possui algumas inéditas muito especiais. Os maiores destaques são: Mystic Manor (versão da Haunted Mansion), The Iron Man Experience e a Hyperspace Mountain (já com tematização do Star Wars). Coloco abaixo a relação das minhas favoritas, com o sinal de (+) para as que mais precisam de FastPass (embora, você provavelmente vá conseguir visitar todas sem os mesmos). A lista completa pode ser conferida no site oficial. Ah, uma curiosidade: inglês é a língua principal na Disney Hong Kong, inclusive dentro das rides e shows.

  • Mystic Manor – Por motivos culturais, a Disney optou por não trazer a clássica Haunted Mansion para Hong Kong. No lugar, inauguraram em 2013 esta atração similar, com mesmo modelo de dark ride, porém sem as referências a fantasmas e mortos-vivos. A Mystic Manor conta uma historinha mais fantasiosa, focada num explorador e seu macaquinho de estimação que possuem um caixa de música mágica. Acreditem, a atração é maravilhosa e a Haunted Mansion, por mais que eu a adore, não faz nenhuma falta.
  • The Iron Man Experience (+) – Este aqui é um dos tesouros de Hong Kong. Consiste num simulador, no mesmo estilo do Star Tours, todo tematizado com o Homem de Ferro. A diversão é garantida e o vídeo de abertura conta até com participação de ninguém menos que Stan Lee.
  • Hyperspace Mountain (+) – Confesso que fiquei apaixonado por esta nova repaginada da saudosa Space Mountain. A imersão no universo Star Wars é perfeita e os níveis de adrenalina estão na medida certa. Prefiro nem dizer quantas vezes repeti esta criança aqui.
  • Mickey’s PhilharMagic – Tem como não amar o PhilharMagic? É o clássico filminho 4D do Magic Kingdom, sem tirar nem por. Irresistível, só vá e se apaixone.
  • Big Grizzly Mountain Runaway Mine Cars – Montanha russa família bem levinha, mas também muito divertida. Aquele passeio gostoso para dar uma quebrada entre a Hyperspace Mountain e o Iron Man Experience.
  • RC Racer – Atraçãozinha safada da Toy Story Land, perfeita para dar um misto de frio na barriga e gritinhos de desespero.

Sempre importante destacar: olhe no site oficial se alguma atração estará fechada. Surpresas desagradáveis podem estragar o seu dia!

ALIMENTAÇÃO

IMG_20180511_122011761

Por incrível que pareça tive refeições maravilhosas na Hong Kong Disneyland. Claro que é possível achar o bom e velho fastfood, mas eu sempre recomendo procurar algumas coisas diferentes para se deliciar. De manhã, enquanto a Main Street já abriu, mas o resto do parque ainda não: compre na deliciosa Market House Bakery, o pineapple bun, um tipo de pão sabor abacaxi que é bem popular em Hong Kong. Já no almoço, eu recomendo o Explorer’s Club Restaurant, um restaurante com especialidades de vários países asiáticos. Nas fotos no final do post, coloco alguns dos menus disponíveis no parque.

COMO CHEGAR

01comochegar

A maravilha dos parques asiáticos é sem dúvida o transporte. Assim como no Japão e em Shanghai, a Disney Hong Kong é extremamente acessível. Ela conta com uma estação e linha própria (Disneyland Resort Line), com baldeação na Sunny Bay Station. As tarifas são calculadas com base na distância que você percorre, mas para servir de exemplo: uma viagem de Tsim Sha Tsui Station (área bem central) até a Disneyland Resort Station custa em torno de 23 dólares locais (mais ou menos 10 reais). Para comprar não tem mistério nenhum: as máquinas de venda automática tem um grande mapa do metrô, onde você simplesmente clica na estação que deseja ir. Ela já calcula o valor e te entrega o bilhete correto.

CONCLUSÃO

IMG_20180511_112637461

A Disneyland de Hong Kong é sem dúvida a menorzinha que já visitei até hoje. Entretanto eles andam se esforçando ao máximo para trazer novidades ao parque, que já demonstra sinais por toda sua extensão das várias expansões que estão sendo planejadas. A concorrência com Shanghai, apesar de meio desleal (como mostrarei num futuro post), está se mostrando bem sadia para a administração da Disney e o próprio governo de Hong Kong correrem atrás do prejuízo. De imediato, os novos visitantes já podem contar com um novo show da Moana, recém inaugurado em Maio de 2018. Mas no futuro, tudo indica que este delicioso parque vai vir com tudo para brigar com seus irmãos pelo mundo. Pra quem estiver em Hong Kong e não aguenta ficar longe de uma Disneyland, não perca tempo. Aqui é o seu lugar.

MAIS FOTOS!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s