Sleep No More: uma experiência

20160607_231642

Sou apaixonado por musicais, daqueles que, se deixar, assiste um de tarde e outro de noite por sete dias consecutivos. Se me larga um fim de semana em São Paulo, o roteiro nunca muda muito: Feirinha da Liberdade, Teatro Bradesco e Teatro Renault. Em Nova York então, já podem imaginar que eu perco a linha. Quando estive por lá em 2014, assisti 11 musicais em pouco mais de uma semana. Mas, por incrível que pareça, o único espetáculo não musical que assisti foi o mais impactante da viagem. Continuar lendo